ISMAR ESTULANO GARCIA

FUNDADOR E PRIMEIRO TITULAR DA CADEIRA 17-ISMAR ESTULANO GARCIA, Goiano, de Piracanjuba, 23.11.l943, autor de vários livros, entre os quais, "PROCEDIMENTO POLICIAL", “PRÁTICA PROCESSUAL PENAL”, “PROCEDIMENTO COMUM ORDINÁRIO”, “JUIZADOS ESPECIAIS CRIMINAIS”, “CRIMES DE TRÂNSITO”(NOVO CÓDIGO DE TRÂNSITO BRASILEIRO), sem dados biográficos completos nos livros e sem qualquer outra informação ao alcance da pesquisa, via textos editados. 
Filho de pais não revelados em sua biografia. Após os estudos primários em sua terra natal, deslocou-se para outros centros, onde também estudou. 
Advogado Criminalista, Civilista e Trabalhista. Com o passar do tempo, tornou-se Professor da Faculdade de Direito da Universidade Católica de Goiás. 
Especialista em Direito Penal e Processual Penal, pela Faculdade de Direito da Universidade Federal de Goiás, sob a orientação dos professores Licínio Leal Barbosa e Romeu Pires de Campos Barros, tendo sido colega do autor destas notas. 
Ex-Presidente da Ordem dos Advogados do Brasil, de Goiás. 
Escritor, Pesquisador, Jornalista. Memorialista, Intelectual, Ensaísta. Pensador, Ativista, Produtor Cultural. Literato, Cronista, Contista. Administrador, Educador, Ficcionista. Conferencista, Orador, Jurista. 
Membro do Instituto dos Advogados de Goiás, da Associação dos Docentes da UCG, além de diversas entidades sociais, culturais e de classe, entre as quais, Associação Brasileira de Direitos Reprográficos(ABDR), de que é Representante no Estado de Goiás. Advogado do Conselho Regional de Odontologia de Goiás. 
Citado nos livros ESTUDOS LITERÁRIOS DE AUTORES GOIANOS e ESCRITORES DE GOIÁS, de Mário Ribeiro Martins. Presente na ESTANTE DO ESCRITOR GOIANO, do Serviço Social do Comércio e em diferentes livros e textos de estudos jurídicos. 
Proprietário da AB EDITORA, outrora sediada em Goiânia, na Avenida Goiás, 310, sala 705, Centro, Edificio Villa Boa. 
É hoje(1998), um dos nomes mais ilustres da cultura jurídica em Goiás. Biografado no DICIONÁRIO BIOBIBLIOGRÁFICO DE GOIÁS, de Mário Ribeiro Martins, MASTER, Rio de Janeiro, 1999. Referido com 08 linhas no DICIONÁRIO DO ESCRITOR GOIANO(2006), de José Mendonça Teles. 

Na Academia Goianiense de Letras é o Titular da Cadeira 17, entre os Titulares, tendo como Patrono José Frederico Marques
É verbete do DICIONÁRIO BIOBIBLIOGRÁFICO REGIONAL DO BRASIL, de Mário Ribeiro Martins, via INTERNET, dentro de ENSAIO, no site www.usinadeletras.com.br. 

Bookmark and Share